• Home
  • /
  • Janelas e Varandas

Janelas e Varandas

Rede de proteção é um conjunto de malhas não metálicas entrelaçadas, destinadas a proteger as pessoas que permanecem ou circulam na sua proximidade contra o risco de queda fortuita As redes de proteção são a maneira mais segura, prática e econômica de proteger crianças, adultos e animais domésticos que vivem em apartamentos. Elas substituem as grades metálicas sem alterar a fachada dos prédios e sem deixar que seus moradores se sintam verdadeiros “prisioneiros”. São fabricadas nas cores bege, branca, marrom e preta cores que combinam com as modernas esquadrias coloridas de alumínio anodizado além de madeira e ferro.

 

 

 

 

 

Perguntas Frequentes sobre Redes de Proteção

Aqui você vai encontrar as respostas que procura.

Caracteristicas técnicas da rede de proteção.

Como surgiu a rede?

Em 1976, o município do Rio de Janeiro, para evitar a repetição do chamado “paredão de Copacabana “, editou regra para as novas construções de edifícios residenciais: que todos eles passassem a possuir varandas e não fossem mais simples caixotes, sem qualquer estética e inteiramente desumanos.
As novas construções, daí em diante, passaram a ter como chamarisco de venda o tema publicitário: “as varandas voltaram!”
Assim, a cidade do Rio de Janeiro voltou a ficar mais bonita e mais humana. Todas as construções, a partir da edição do Regulamento de Zoneamento, através do Decreto nº322/76, não podiam ser fechadas ou envidraçadas, mesmo em parte, sob qualquer pretexto, sendo o condomínio solidariamente responsável pela obediência a esta proibição, conforme disposto no parágrafo 9º do Art. 144, desse Decreto.
Acontece, porém, que essas novas varandas trouxeram humanização e beleza aos novos edifícios, mas acarretaram, por outro lado, problemas de segurança para as crianças.
Assim surgiram as redes de proteção! As telas, que eram usadas originalmente para a pesca, ganharam mais tecnologia e passaram a ter outra finalidade e ser utilizadas como proteção para crianças, pois proporcionavam segurança sem absolutamente quebrar a harmonia arquitetônica do edifício, com a vantagem ainda de poderem ser removidas a qualquer hora.

Diferenças entre redes de poliamida e nylon.

No sentido de orientar melhor nossos clientes quanto as diferem as entre os materiais, extraímos alguns trechos com informações técnicas da Enciclopédia Delta Larousse.
Veja porquê utilizar a rede de Polietileno da Redex (única comprovadamente tratada contra raios ultravioleta e impermeabilizada):
“…As principais propriedades mecânicas do Nylon são superiores às da seda natural: comparado ao, um fio de Nylon de igual seção tem a mesma resistência à tração é sete vezes menos pesado. A resistência do Nylon ao desgaste é também consideravel. Além da sua aplicação generalizada em artigos de vestuário, o Nylon é também utilizado na confecção de para-quedas e cordas resistentes, e em artigos industriais, como pneus e correias transportadoras…”

É permitido instalar redes em condomínios?

Ainda não existe uma lei federal específica sobre a colocação de redes de proteção em condomínios. Entretanto esta prática já se tornou um costume, uma vez que cumpre de forma eficaz a sua função, a baixo custo e sem alterar muito a fachada dos edifícios ou agredir o estilo arquitetônico das construções.
Abaixo reproduzimos um trecho da Lei do Condomínio e o comentário do advogado Luiz Fernando Queiroz, especialista em Direito Imobiliário:
“Art. 10:É defeso a qualquer condômino: I. Alterar a forma externa da fachada; II. Decorar as partes e esquadrias externas com tonalidades ou cores diversas das empregadas no conjunto da edificação (…)”
“No Brasil, graças Lei do Condomínio, as fachadas dos nosso edifícios são razoavelmente uniformes, bonitas, sem anúncios comerciais. As exceções visíveis são prédios de um dono só, que não estão obrigados a obedecer a Lei 4591/64, deixando que seus ocupantes dêem um aspecto pitoresco às fachadas.
A resposta do Poder Judiciário no que se refere à colocação das finas redes de proteção nas sacadas, visando evitar que crianças caiam dos apartamentos, tem sido de bom senso e critério. Coloca-se o fator segurança em primeiro lugar. Ou seja, tem-se decidido que a colocação deste produto não constitui alteração de fachada. No confronto entre uma pequena variação estética e a grande utilidade da rede como proteção á vida de uma criança, prevalece, sem dúvida, esta ultima hipótese.”

Quando devo instalar?

Não se pode precisar o momento ideal para se colocar a rede, uma vez que os hábitos variam de acordo com cada família.
Sugerimos que seja feita uma análise pessoal de alguns fatores para se avaliar o risco:

  • Os pais ficam constantemente com a criança?
  • A criança fica muito tempo em casa?
  • As janelas/varandas são baixas ou de alta periculosidade?
  • Os vãos têm vista para o playground, piscinas, escolas, ou qualquer espaço que tenha outras crianças ou algo que chame a atenção?
  • A criança é agitada?
  • As crianças quando se juntam tornam-se mais expansivas e mais encorajadas a fazer arte. Outras crianças frequentam o local?
  • Possui piscina ou escada em casa?

Obs: Mesmo crianças mais velhas ainda não tem real noção dos perigos e em momentos de pânico costumam não conseguir reagir.
Em caso de dúvidas lembre-se: não vale a pena correr riscos. Tome as devidas precauções para que nada aconteça ao seu filho. A vida do ser humano é muito preciosa.
Você sabia que a maioria dos acidentes com crianças acontece dentro de casa?

Quem fabrica as redes de proteção da Redex?

As redes de proteção Equiplex que instalamos são fabricas pela Equipesca com 50 anos de experiência e pioneira na fabricação de redes de proteção no Brasil. Quer conhecer a Equipesca visite o site.

Recolocação de redes e reinstalações

Aos clientes viemos explicar porque da cobrança pelos serviços de reinstalação de redes.

Muitos clientes estão retirados suas redes de proteção por vários motivos

Exemplo:

  • Envidraçamento de varanda
  • Manutenções de ar condicionado
  • Serviços de pintura
  • Impermeabilizações
  • Retrofit de faixada

Para recolocar redes o mínimo serviço tem que ser cobrado pois são inúmeros pedidos de serviço desta espécie e se formos atender a todos sem cobrar a empresa vai passar a ter prejuízo pois são utilizados recursos para colocar em execução estas operações dentre elas materiais, mão-de-obra, combustível e ao colocar nossa mão-de-obra para fazer estes pequenos serviços deixamos de fazer uma nova instalação.

Quando a Redex redes de proteção instala as redes damos garantia do produto e da instalação e a garantia não cobre a retida voluntaria do produto não temos uma responsabilidade perpetua em ir arruma a rede casa vez que o cliente tem que tirar o produto para qualquer que seja a finalidade sem a devida cobrança.

Selo do INMETRO existe?

Selo do INMETRO, a REDEX REDES DE PROTEÇÃO joga limpo com seu cliente e explica tudo certinho.
Alguns clientes nos procuram e perguntam se a rede de proteção tem o selo do INMETRO vindos já com uma ideia formada que lhes foi passada por outras empresa ou tiradas da internet.
Não a rede de proteção não possui selo do INMETRO pois este selo não existe até o momento para este tipo de produto é uma mentira é só fazer uma busca no site do INMETRO e constatar que o orgão não tem um selo de fiscalização para redes de proteção por isso a empresa que diz que possui este selo já começou lhe mentindo. Fique atento com estes espertinhos e aproveitadores de desconhecimento alheio.
Algumas empresa da Grande Florianópolis ostentam em seus sites e material de propaganda o logotipo do Instituto Nacional de Metrologia “INMETRO” constituindo um fraude.
O que existe sim e uma norma para instalação de redes de proteção feita pela ABNT como você pode obter informaçôes no próprio site da Associação Brasileira de Normas Técnicas.
Existe sim nos produto uma fita de altentididade que garante e informa ao consumidor a marca do fabricante da rede de proteção garantido a proveniência , segurança e os testes exigidos.
Data 11/01/2016.

 

Galeria de Fotos de Serviços em Janelas e Varandas

Back to Top